Os Piratas não têm medo do Escuro!

Há livros de piratas e há livros de fadas… Mas este livro junta os seus mundos tão próprios, e mostra que afinal podem conviver juntos, agradando a rapazes e raparigas

O Afonso vai dormir na espantosa tenda pirata que montou no jardim.

“Aqui não são permitidas fadas!” diz ele à Margarida, a sua irmã mais nova e que também lá queria passar a noite. “As fadas têm medo do escuro!”

Mas quando, durante a noite, o archote do Afonso se apaga e fica tudo muito escuro, de fora da tenda ouvem-se sons muito assustadores: Ruchfle, Rusfle, Prrusfle! O que seria? De repente, o Afonso já não se sentia lá muito corajoso . . .

Da ilustradora de “Eu e o meu Papá!”, e “Eu quero a minha Mamã!”

tags Temas abordados

escuro   irmãos   medo   noite   partilha   rapazes vs. rapariga  

receipt Detalhes do livro

  • Texto:
  • Ilustração:
  • Formato (cm): 26 x 28
  • N. páginas: 32
  • Tipo de produto: Livro
  • Encadernação: capa dura
  • ISBN: 978-972-793-171-2
  • Publicação: 26-09-2014

Críticas e comentários

ilustrações muito fofinhas. Ensina a partilhar desejos e perder os medos

- Mafra

Gosto muito deste livro porque gosto de mexer nele. As cuecas são muito engraçadas e fazem cócegas. Mas em casa a minha mãe inventou uma música e todos gostamos muito de cantar no final a última parte do livro que foi transformada numa música. "Está na hora do bacio...". Levo para a escola este livro e canto aos bebés e eles gostam muito. Quando estava na sala dos 2 anos, usei cuecas pela primeira vez (não eram tão bonitas porque não tinham um comboio) mas nesse dia deixei de usar fralda de dia e de noite. Todos ficaram muito espantados. É bom ser crescida!" Joana -4 anos

- Lisboa

Gosto muito deste livro porque também sou pirata e tinha medo do escuro quando me deitava. Quando a minha mãe comprou o livro, eu pedi ao meu irmão Pedro para ler e eu e a minha irmã Joana fazíamos o teatro. Ele tem muita paciência. O Pedro é o narrador, eu o Pirata, a Joana faz de Margarida e a minha mãe é a mãe. Era tão giro que começámos a saber o livro de cor e deixei de ter medo do escuro. Deitar-me começou a ser sempre divertido! Depois das luzes apagarem-se, eu ficava a pensar no nosso teatro e não tinha medo de nada e acabava por adormecer alegre! Este ano vou para a escola e este vai ser o primeiro livro que vou querer ler" Tiago - 6 anos

- Lisboa
Partilhe a sua opinião com outros leitores
profile
directions
heart
Para validação: Quanto é Dois mais Dois (em número)?
key

A sua informação e comentário serão apresentados na página, para facilitar a escolha dos leitores. Pode a qualquer momento mudar de ideias e pedir que sejam removidos, contactando-nos por e-mail. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade.

Ups! Todos os campos são obrigatórios e tem de dar uma resposta correcta à nossa difícil pergunta.

Partilhe com os amigos

up